quarta-feira, 14 de agosto de 2013

Documentário dirigido por Werner Herzog conta o drama causado pelo uso do celular ao volante

Desde o ano passado, as operadoras de telefonia AT&T, T-Mobile, Sprint e Verizon deixam sua concorrência feroz de lado na hora de promover a campanha de conscientização “It Can Wait”, com mensagens e histórias sobre um mal moderno: a prática de dirigir e enviar mensagem de texto ao mesmo tempo.

Hoje, a iniciativa ganhou o reforço de um documentário dirigido por Werner Herzog. Complicado citar apenas um ou dois filmes do prolífico diretor alemão como referência, mas lembro aqui dois longas documentais recentes e marcantes dele: “Grizzly Man” e “Cave of Forgotten Dreams”.

No trabalho comissionado pelas operadoras, Herzog conta os casos de famílias afetadas pela combinação mortal de SMS e volante. Todo ano, 10 mil acidentes são causados por causa desse comportamento, e é um número que só cresce. Com 35 minutos de duração, “From One Second to the Next” tenta provar que nenhuma mensagem é tão urgente a ponto de colocar a própria vida e a dos outros em risco.

O material, além da divulgação online, será distribuído para cerca de 40 mil escolas e universidades nos Estados Unidos. Segundo pesquisa, 75% dos jovens disseram que é comum enviarem mensagens pelo celular enquanto dirigem.

O curta-documentário é quase todo com base em testemunhais, em inglês, sem legendas, mas tem imagens que falam por si só. Confesso que me encaixo na estatística de pessoas que usam celular ao volante, e não só SMS. Pode ser Twitter, Facebook, email, ou qualquer app que pisque uma notificação na tela. A desculpa do trânsito intensifica ainda mais o uso. “Só mais uma olhadinha rápida”, e quando percebo o sinal abriu e estou dirigindo com o celular na mão.

A tecnologia vem pra ajudar a facilitar a comunicação e otimizar o tempo, mas é preciso usá-la com responsabilidade.

FONTE: CorpTV