quinta-feira, 25 de setembro de 2014

Em qual Carreira de Tecnologia da Informação (TI) atuar?


O grande desafio de todo profissional em inicio de carreira (em qualquer área, não somente TI) é definir qual o rumo se deve seguir entre tantas opções, tais como: infraestrutura, desenvolvimento de softwares, segurança da informação, análise forense, administração de banco de dados, gestão de TI, gerente de operações, analista de help desk, analista funcional entre outras.

Primeiro, saiba que esta preocupação não é apenas de quem está no início de carreira. Como o mercado de trabalho evoluiu, hoje muitos profissionais vem repensando suas áreas de atuação devido às ações de outsourcing de TI.

Segundo, indiferente da remuneração paga pelo mercado, o profissional tem que ter consciência que para progredir na carreira ele deve ter interesse pelo assunto, pois ele vai passar boa parte do seu tempo colhendo informações em revistas, livros, vídeos, palestras, portais entre outros para evoluir profissionalmente.

Sendo assim, jamais escolha uma profissão apenas pelo critério remuneração, porque a motivação financeira dura pouco tempo e a pessoa necessitará mais do que isso para se sobressair e evoluir. Caso não acredite nesta informação, valide, pois este dado pode ser coletado em qualquer livro sobre motivação ou mesmo pela sua experiência de vida ou experiência de amigos/conhecidos.

Pare um minuto, reflita e tente resgatar suas conquistas pessoais. Talvez, sua motivação surgiu inicialmente por uma questão ou interesse financeiro, mas seu estímulo não se manteve apenas no dinheiro, com certeza tinha outras fatores que o estimularam por um tempo, tais como: ser reconhecido como referência daquele determinado assunto, ter o senso de responsabilidade apurado e/ou se sentir desafiado em resolver o problema que ninguém conseguia – entre outros fatores sociais.

Lembre-se: a vida é curta. Faça o que deseja e tente ser o melhor naquilo que acredita! Muitos vão dizer que você não vai conseguir, mas somente o tempo poderá lhe dizer isso. Existe mercado para todo bom profissional que ama aquilo que faz e acredita, existem salários de profissionais de suporte funcional, por exemplo, maiores que de analistas de redes ou de outras funções de renome.

De fato talvez seja a minoria, mas isso existe em toda profissão. Somente se destacam aqueles que de fato gostam do que fazem e que aprenderam outras competências para se destacar no mercado dos profissionais que possuem as mesmas qualificações de quem lê este texto.

Se você sabe o seu valor e acredita que está ganhando pouco, pare de se lamentar e faça por merecer e conquistar aquilo que deseja!

Caso esteja na dúvida em qual área seguir, faça entrevistas com profissionais que atuam na opção pretendida e faça cursos de extensão para ver sua aptidão e interesse, posteriormente dedique-se, profissionalize-se e certifique-se.


“Entre a força e a técnica, vence a técnica. Se a força e a técnica forem iguais, vence o Espírito”. Miyamoto Musashi

FONTE: CorpTV